terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Prefeitura Regional Ipiranga vai realizar a primeira Cidade Linda


A Prefeitura Regional Ipiranga realizará nesta quinta-feira, 12 de janeiro, a primeira ação do Programa Cidade Linda na região. A ação será na Avenida Almirante Delamare, em toda a sua extensão, e contemplará, entre outros, serviços de manutenção de logradouros, conservação de galerias e pavimentos, retirada de faixas e cartazes, limpeza de monumentos, recuperação de praças e canteiros, poda de árvores, cata-bagulho, tapa buraco, limpeza do córrego na marginal dos Meninos (rua Michel Saliba), troca de lixeiras e reparo de calçadas.


A ação conta com a participação da CET, da Guarda Civil Metropolitana e da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.


O Programa Cidade Linda tem como objetivo revitalizar áreas degradadas da cidade. A ação foi iniciada na Avenida 9 de Julho pelo prefeito.


SERVIÇO:
Ação do Programa Cidade Linda no Ipiranga
Local; Avenida Delamare
Dia: 12/01/2017
Horas de inicio: 06h30
Concentração: Avenida Almirante Delamare esquina com Rua Conego Xavier

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

CIÊNCIA E SOCIEDADE: a importância da divulgação científica e da extensão

O Parque CienTec fica na Avenida Miguel Stéfano, 4.200,  Água Funda-SP.

CEP 04301-904.

O estacionamento situa-se em frente ao Zoológico.

O acesso pode ser feito pela entrada ao lado do estacionamento ou pela portaria principal.


Para quem vai de transporte público:
A 15 minutos da estação São Judas do Metrô, ônibus 4742-10, Jardim Clímax

ou, da estação Santos-Imigrantes, ônibus Jardim Zoológico

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Lançamento do livro Dicas de Viagens

 
No dia 29 de novembro, próxima terça-feira às 19hs, João da Luz - escritor do Ipiranga - estará no evento promovido pela Aliança Francesa “Lançamento do livro Dicas de Viagens em crônicas de quatro continentes e bate-papo informal com os leitores”, com entrada franca.
Aliança Francesa - Rua General Jardim, 182 - Vila Buarque – São Paulo – Dia 29.11.2016 ás 19 horas – Biblioteca Multimídia Claudie Monteil.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Livro sobre a obra de Ruy Ohtake

Lançamento do Livro sobre a obra de Ruy Ohtake, na Mostra Cultural do Ceu Heliópolis, dia 19/11. A mostra começará às 10h, e o lançamento será às 15h. Além de curtir a produção da galera das escolas do CEU, teremos shows e feirinha solidária de comidas e artesanatos. Compareçam!

sábado, 12 de novembro de 2016

Projeto-piloto de câmeras de monitoramento acopladas à iluminação pública é iniciado em Heliópolis

Em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), o entorno do CEU Heliópolis ganhou 13 câmeras de monitoramento acopladas nos pontos de iluminação pública. Mais de 70 mil lâmpadas de LED foram instaladas na cidade






Secretaria Executiva de Comunicação
FOTOS
Crédito: Fernando Pereira/SECOM

Após implantar mais de 70 mil pontos de iluminação LED em diferentes bairros da capital paulista, a Prefeitura de São Paulo iniciou a instalação de câmeras de monitoramento acopladas à nova tecnologia nos postes. O objetivo é ampliar a sensação de segurança, especialmente na periferia da cidade, e fazer o monitoramento de mobilidade urbana para identificar possíveis gargalos no transporte público e no trânsito em tempo real. Em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), o projeto-piloto foi iniciado em Heliópolis, no entorno do Centro Educacional Unificado (CEU) do bairro, com 13 equipamentos.
Dos equipamentos implantados, 11 têm captação fixa e duas operam no sistema chamado PTZ, que giram até 360 graus, ampliam ou reduzem a imagem, de forma pré-programada ou quando acionadas. O controle das imagens é feito por meio de uma central dentro do CEU Heliópolis. De acordo com o diretor do Departamento de Iluminação Pública (Ilume), José Alberto Serra, os equipamentos estão sendo utilizados para monitorar ocorrências de mobilidade urbana e segurança do entorno do CEU.
Segundo o secretário de Segurança Urbana, Benedito Mariano, a Guarda Civil Municipal (GCM) conta com 100 câmeras instaladas em pontos estratégicos da cidade, interligadas a uma central de monitoramento. Com o avanço do projeto, as imagens das câmeras acopladas à iluminação pública também poderão ser enviadas para central, ampliando a segurança dos paulistanos. “O segundo passo, depois desse projeto-piloto, é ver de que forma podemos articular para todas as imagens produzidas nesse trabalho com as centrais da CET e da GCM”, disse o secretário. LED nos bairros

Por meio do programa LED nos Bairros, em dezembro do ano passado, a comunidade de Heliópolis recebeu cerca de 1.300 pontos de iluminação com essa tecnologia, beneficiando 224 ruas. Além da implantação em Heliópolis, o programa implantou ainda 6.600 pontos na Pedreira, 5.900 no Jardim Helena, 12.164 no Jardim Ângela,11.300 em Sapopemba, 534 no Jardim Monte Azul, 10,070 na Brasilândia, 7.181 no Lajeado e 5.100 no distrito de Raposo Tavares.

Além disso, quase 19 mil pontos de iluminação LED foram instalados pela atual gestão em locais como a Marginal Pinheiros, a avenida 23 de Maio, o entorno da Arena Corinthians, em Itaquera, e o Beco do Batman, na Vila Madalena. A região central também ganhou 700 pontos de LED na Virada Cultural, que ficaram como legado para a população.

As luminárias LED têm vida útil maior que as lâmpadas de vapor metálico e de sódio, pois duram aproximadamente 12 anos, enquanto os outros tipos não passam de cinco anos, em média. As lâmpadas de LED também consomem até 50% menos energia elétrica.

Desde o início de 2013, mais de 250 mil pontos de iluminação pública foram remodelados em toda a cidade, substituindo lâmpadas de vapor de mercúrio por vapor de sódio e metálico, e quase 50 mil novos foram criados em locais onde não existia luz.